OPINIÃO

Idéias e opiniões socialistas sobre Sorocaba

Divisão social da população livre

5 – Divisão social da população livre
As leis de Hammurabi distinguiam duas categorias de homens livres: os mushkinu, literalmente «pessoa com pouco») e os amelu (“homem” ou «filho de homem»).

 Uns e outros são dons de escravos e proprietários, mas não são iguais em direitos. A diferença entre uns e outros deriva de certas restrições relativas às perdas. Assim, em caso de roubo de gado, as perdas e danos devidas aos amelu são de trinta vezes mais o valor da coisa roubada, enquanto que para os mushkinu são de dez vezes mais.

Aquele que cegar um dos amelu ou lhe partir um osso é condenado a suportar o mesmo que praticou, enquanto que as vias de facto exercidas sobre a pessoa de um dos mushkinu só são passíveis de uma repreensão.

Como explicar estas diferenças? Os historiadores sovié­ticos emitiram a tal respeito várias hipóteses. O académico Struvé julga que os «homens», cidadãos da Babilónia, gozando de todos os direitos cívicos, eram conquistadores amorritas, e que o termo «mushkinu» designava a popu­lação livre da Suméria e de Akkad submetida.

Segundo Diakonov, os amelu são membros da comunidade, en­quanto que os mushkinu, rendeiros do rei, estão avassa­lados com o pagamento de rendas. Nesta categoria, ele inclui do mesmo modo cultivadores obrigados a paga­rem prestações em trigo, e ainda os tamkarums e os sacerdotes que recebiam do rei as suas terras.

Só os guer­reiros – redum e hairum -, embora qoinhoados pelo rei com lotes de terreno, permaneciam membros das comunidades e não eram mushkinu.

Seja qual for a interpretação destes termos, pode reco­nhecer-se, segundo o código de Hammurabi e os documen­tos de negócios, várias espécies de cidadãos livres. São eles os membros das comunidades, os rendeiros reais que pagavam o imposto em espécie, os guerreiros que recebiam as terras inalienáveis, os artesões, os tamkarums (que eram ao mesmo tempo mercadores, usurários e cobrado­res) e finalmente os sacerdotes e a alta aristocracia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: